Ser Feliz é Infinito

Você está acompanhando a categoria Mondo Inverso??? Caso não esteja recomendo clicar aqui para ler os artigos anteriores e entrar no raciocínio de Carse.
O jogador finito é sério, e o jogador infinito é alegre:
A seriedade sempre está relacionada com papéis. A seriedade está associada com um roteiro estabelecido, com uma disposição de ocorrências concluída em algum lugar fora da nossa esfera de influência.
Ficamos alegres quando nos envolvemos com outras pessoas no nível da escolha, quando não está determinado com antecedência qual será a evolução do nosso relacionamento com elas, quando na verdade, ninguém tem um resultado que lhe é imposto na relação, a não ser a decisão de levá-la adiante.
Ser alegre não significa ser fútil, ou agir como se nada importante fosse acontecer. Pelo contrário, quando somos alegres uns com os outros, nós nos relacionamos como pessoas livres e o relacionamento está aberto a supresas, tudo o que acontece é importante.
Ser sério significa exigir uma conclusão específica.
Ser alegre é estar aberto à possibilidade, não importa o que isso possa nos custar
.”
Carse


Acredite-me, já paguei um bom preço muitas vezes na minha vida por ser alegre.

Um comentário sobre “Ser Feliz é Infinito

  1. Fantástico!
    Muito legal os artigos do Mondo Inverso. Qual é a periodicidade?
    (Se bem que, em se determinando uma periodicidade, a relação se torna “finita” pois vais ter o papel de publicar em intervalos regulares, podendo ter aqueles dias nos quais não estarás a fim e o “papel se sobreporá ao ator”…)
    Abraço.Ej.

    Curtir

Os comentários estão desativados.