TRANCEDELIC Report

The Best Pico, Ever...
[clica para entrar na Natureza]
Festival é uma coisa bem diferente de festa. O ritmo é outro. Você “quase mora” lá dentro. Conhece mais pessoas. Conversa mais. Descansa mais. Descansa mais?!?!?!
Agradeço a todos que participaram de alguma forma da TRANCEDELIC: DJs, Produção, Trancers, “caídos de paraquedas“, e PRINCIPALMENTE pela NATUREZA, que se mostrou resplandecente, acolhedora, mágica de dia e de noite, com um sol e uma lua ímpares. De dia tínhamos borboletas, muitas borboletas. De noite, tínhamos vagalumes, que competiam com a luz da lua para iluminar o Dance Flor. Tivemos chuva e tivemos tempo firme. E ainda não cansados de 3 DIAS de festival, dançando o psy num lugar desses, ainda empreendemos uma “expedição” de mais de uma hora de caminhada (só de ida…) sobre uma trilha prá lá de “roots” (e sim uma trilha “rocks”) e fomos agraciados pela mais perfeita composição de cachoeiras e piscinas que eu já pude presenciar.


O destino do fim de semana foi o Festival TRANCEDELIC, em Santa Maria, bem no coração do estado do Rio Grande do Sul.
Durante a semana a galera toda pedindo uma carona de Astra-o-Nave, mas na hora H todo mundo desistiu da viagem! Antes só do que desacomapanhado! Saí sozinho de Porto na sexta de tardezinha e ainda antes de anoitecer eu já estava no local do Festival, armando a RubisToca.
Ficamos no bar trocando idéias com os novos amigos: Conheci a Tatiana e a Marcela, duas carioquinhas que foram para Santa Maria para curtir o Festival (!!!), e que estarão comigo no Universo Paralello na Bahia no Reveillon. Dez da noite a pista abre, e começa a dança! Lá pelas tantas começa a chover e me refugio na barrraca. Adormeço. Quando acordo, já havia parado a chuva e volto pra piiiista! Vejo o Luciano e a Deca e vários outros amigos.
Volto para a RubisToca, e as 7 da manhã o Renatinho já estava no comando do som. O cara tocou das 7 da manhá até as 2 das tarde, estabelecendo o novo record de “Toca Muito” agraciado pelo júri popular do MondoVR! Fui levar uns biscoitos para ele ao meio dia. Ele me disse que até atacado por morcegos ele foi durante do set. Tocar muito dark é nisso que dá, Renatinho…
Duas da tarde, sol rachando e fomos para o melhor do fim de semana: expedição para a cachoeira. Uma hora e vinte minutos andando sobre pedras pontiagudas e encostas íngremes. O Alessandro falava: “Eh longe, mas vale a pena”. O cara tinha razão: era longe. Mas lá chegando vimos que valia muito a pena!
Que lugar maravilhoso! Duas piscinas entalhadas na rocha, ligadas por cachoeiras… Não dá pra descrever. Liiiindo! Ficamos por um bom tempo em contemplação e depois fomos aproveitar o Paraiso.
De volta ao camp, a barriga estava gritando por comida. Eu e a Camila resolvemos ir comer na “cidade”, e depois de muito custo, e muita espera, “almoçamos” as oito da noite numa churrascaria. Viva!!!
Voltamos já depois das dez da noite, e algumas “pratas da casa” estavam nos CDJs. Resolvi descansar na RubisToca. Acordo com a Tatá adentrando o recinto e ficamos de papo até altas horas, quando resolvi voltar pra pista. O DJ Vlado (pukka music uk) amigo do Roma, faz um set “a la Universo Paralello” (ele vai tocar lá). Animal! Amanheceu.
A galera de Santa Maria estava lá mais pelo “Festival” do que pelo Trance. Ficavam mais nas barracas, e alguns até ouviam rock pesado nos carros… As pessoas que iam para a pista ficavam mais em subgrupos. A organização do festival está de parabéns pela iniciativa, organização e pela escolha do lugar. Bebida barata, rango básico no bar. Banheiros (meio) limpos… LIXEIRAS! Só faltou realmente um espaço de chill out, pois para encarar 3 dias de festival sem descomprimir é complicado….
Voltando ao lance das lixeiras, volto a falar que Festival é uma coisa bem diferente de festa. Numa festa você vai, curte, suja tudo e vai embora. Num Festival você fica no pico, então eu teorizo que isso ajuda na consciência de preservar. O lugar estava lindo e ficou assim até o fim! Parabéns a todos: a Natureza ficou feliz…
Entra o Calliari. Depois o Roma. Não paro de dançar. A psytrancenation de Porto, representada por poucos, porém fiéis integrantes, estava firme na pista. Chega a tarde e com ela entra o Fábio Ssoniq, com uma arsenal surpreendente de trance progressivo, com pitadas de eletro e coisas modernas. Vamos dançar dentro do rio que passa ao lado do main floor. Que loucura…
Dançar em meio a águas cristalinas, com centenas de borboletas sobrevoando o rio abaixo e passando sobre nós, foi um momento único e inesquecível. Uma sensação de Sagrado veio em mim naquele momento. Que dádiva! Obrigado!!!
Fui descansar por uma horinha, desmontei o “camp”, e fui atrás da Camila. Ela estava dormindo no gramado e depois de alguma dificuldade, consegui acordá-la.
Voltamos para Porto Alegre, ainda dançando dentro do carro, durante todas as 4 horas de viagem.
Festival é uma coisa bem diferente de festa. Santa Maria nos ofereceu o lugar mais bonito de todos os tempos. Pelo seu conjunto, superou o Ninho das Aguias, Garapiá e até mesmo o Acampamento do After em Canela.
Qual vai ser o próximo pico a levar o Troféu de Lugar Mais Lindo do PsyTrance RS ? Por enquanto é daqui.

Anúncios

25 comentários sobre “TRANCEDELIC Report

  1. ai meu deus, chegou a me dar uma vontade de chorar de não poder ter ido só olhando essas fotos, mas agora não adianta chorar sobre o leite derramado!! deve ter sido DIVÍNO!
    a próxima eu não perco POR NADAAAAAAA!!!!!!!!!!!
    grande abraço

    Curtir

  2. Rubisss tu esqueceu de falar dos vagalumes durante a noite… eu nunca tinha visto tantos vagaulumes juntos na minha vida. Maravilhosooo

    Curtir

  3. Aaaaiaiaiaiaaiai!
    Que que foi aquilo??
    Que que eram as borboletas, libélulas, cigarras, vagalumes, BORRACHUDOS??? E aquele riachinho beirando a piiiiiista e a cachú a uma hora trekking de distância???
    Deus do céu que dádiva mesmo, amigo Rubis, ter estado entre (velhos e novos) amigos num lugar abençoado como aquele.
    Lavei a alma e quando cheguei em casa lavei bem os pés cascudos depois de tanta dança e andança! Quaaa.
    E tem mais: EU PULEEEEEEEEEEI!!! DUAS VEZEEEEEEZ!
    Tô pra receber o vídeo e as fotos que um pinta mt simpático fez pra mim! E te mando..
    Beijoca amado! Adorei nossa conversa na RubisToca.. ambos precisávamos dela, né?

    Curtir

  4. Eu bem queria ter ido, mas minha sexta feira e o meu fim de semana foram muito complicados de administrar. Alguns assuntos precisaram de atencao urgente e nao pude me ausentar a fazee-lo. Eu sabia que o evento seria relaxante e ao mesmo tempo (psy)trancedental… Foi uma pena nao ter ido. Mas a forca do Psy permanece no coracao. Abraco a todos.

    Curtir

  5. Lugar divino…som sem comentários!!!…mas oq faltou foi a união…divididos em subgrupos…os santamarienses ainda tem muito oq aprende sobre confraternizar….muitos atendendo de cara amarrada no bar….parecendo q somos intrusos em uma festa particular então para q fazer propaganda..chamar o pessoal..se querem continuar com PSY pra um grupo só então não abram mais..pessoal de fora deu um show de respeito…contemplação a natureza..amizade e o melhor de tudo simplicidade!!!! de pé no demostraram tudo e fizeram a genti daqui de santa maria tira o sapato!!!!!!..mas este foi apenas o primeiro!!!!!

    Curtir

  6. estou aqui em nome da galera de santa maria pra dizer que nos estamos de braços abertos a todos que quizerem vir a santa maria, e que se alguem teve a mesma impressão da juliana, saibam que isso não acontece e deve ter sido um mau entendido!!!
    abraço a todos

    Curtir

  7. Opinião é percepção, e por isso deve ser respeitada.
    Eu não tive má impressão da galera de SM, bem pelo contrário, como devo ter demonstrado no artigo, apenas seria mais legal se o pessoal estivesse mais junto. Como a cena está se desenvolvendo por lá, e SM não é tão grande quanto Caxias ou Poa, tudo isso é natural.
    Me senti muito bem recebido, e o pessoal do bar era excelente!
    Tudo foi perfeito!

    Curtir

  8. juliana, acredito que houve mau entendido mesmo em relação ao atendimento no bar, pode ter certeza que não era mau humor e sim muito cansaço !
    e o entrosamento e a união não vem de um lado só vem ao natural qdo todos estão en sintonia!
    muito obrigado a todos que fizeram nosso sonho se tornar realidade
    valeu mesmo

    Curtir

  9. galera! o que foi aquilo?!! tuuuuuuudo de bom! astral maravilhoso… cachoeira, muito verde, ar puro, o povo arrasando no som. ah! e a lua? e o sol? palhaçada!!!
    Ruby
    as fotos ficaram massa, ja estao todas no meu comp. valeu por ter me salvado no sabado qdo cheguei a pensar que iria morrer de fome. alias tu me salvou duas vezes: na hora do rango na super churrascaria e na hora do resgate para voltar pra Porto. valeu!!!
    importante tb agradecer ao alexandre, nos apresentou a cachoeira que era “muuuuuito longe, mas muuuuuuito linda!” hahahahah
    lavei minha alma la… tb, depois daquele pulo…
    ADRENALINA TOTAL
    tava muito roots
    EH O PSYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYY!!!!!!!!!!!!
    BEIJOS A TODOS QUE ESTIVERAM LA!

    Curtir

  10. Muito Fofo….
    Deu vontade de estar em um Festival…
    Eu… no Sábado estive entre os Rubinos… quase todos ou os mais importantes….
    Vi a Gigi e o Lu (de cadeira nova) … muito Fofos!!!
    Bjs
    Saudades
    Simy

    Curtir

  11. AAAHHHHHH !!!!!!!!!
    Existem coisas na vida que só vivendo pra saber como é bom….
    E quando eu ouvir falar em TRANCEDELIC novamente, saio de qualquer lugar do mundo pra estar presente…. porque um lugar maravilhoso, pessoas maravilhosas, animais maravilhosos, não tem como ficar de fora!!!!!!
    Beijão da carioca,
    Tati.

    Curtir

  12. em primeiro lugar quero elogiar a iniciativa do site, das fotos e dos videos que estou mto curioso para ver (ja sei que o pessoal ai em poa ja ta agilizando pra ver)… isso valoriza nosso trabalho e faz com que todo o esforço seja recompensado da melhor maneira possivel!
    para mim tudo foi perfeito!
    energia atingiu niveis maximos! abracao veio e ateh a proxima!

    Curtir

  13. rubis..valeu a presença mesmo com a gente! muito bom dar uma olhada no teu material aqui e tb ver o que a galera achou do festival!
    eh bom ver q todos entenderam a pureza do festival! obrigado pelas palavras cara…

    Curtir

  14. Olha galera…..jah tive a oportunidade de fazer festas pelo mundo….e posso afirmar que nada se compara a nosso ”BRASILZÃO”……e aqui em SM….minha terra….a galera ta de parabens…….a integração de todos psyzeros vem com o tempo eh assim a vida…..o negocio e não deixar o movimento cair…..e sempre prestigiar aos festivais lindos e bem organizados como este!!!!Parabens aos organizadores….aos DJ’s….e principalmente a aquela Galera da Caixa Esquerda que naum parava de dar risada….”meus irmãos”…….e a todos que naum são de SM…….SEJAM SEMPRE BEM VINDOS AO CORAÇÃO DO RIOGRANDE!!!!!

    Curtir

  15. nooooossaaa tava muuuitoo quentuxo akilo lah xeeeeee a musica perfeita a vista melhor ainda e soh tinha gente boua por lah… apenas algumas pessoas tipo juliana q naum conheco entao nem posso falar muito mas posso afirma q a galera d SM eh muito gente fina nao precisamos d companhias desagradaveis para estragar com as nossas festas perfeitas… eh issu ai galera to esperando a proxima lokura flw abracao PSYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYYY

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s