Mal Giovanni

O Cliente sempre tem razão!
A Oração se dá através da firmeza no pensamento. Criar na mente primeiro para realizar na matéria depois. E para realizar na matéria é preciso manifestar a coerência. Coerência com o seu pensamento, coerência com o que se acredita e coerência nos seus atos.O Dia Mundial da Oração me deu discernimento para a ação justa.
Na noite desta terça-feira fui jantar com o meu colega de trabalho num restaurante em Erechim, cidadezinha do interior gaúcho na qual estamos trabalhando nessa semana. O restaurante escolhido foi o Buon Giovananni, local que poderia ser chamado de bom, principalmente para um local interiorano como Erechim: boas instalações, bom cardápio e boa carta de vinhos.
Depois de escolhermos o prato, eu e o meu colega Alex chegamos no consenso quanto ao vinho: Um Carmenére chileno, que no cardápio custava vinte reais e sessenta centavos. Quanto pedi o vinho ao garçon, apontei para o cardápio na linha onde estava o meu vinho escolhido, repetindo o nome do fabricante do vinho, o varietal da uva e o preço: R$ 20,60.
Na hora de pagar a conta, percebi que o valor cobrado diferia do que estava na carta de vinhos que nós havíamos visto, e disse para o dono do estabelecimento: – “Deve ter havido algum engano, pois o valor do vinho que eu escolhi não é R$ 26,00 e sim R$ 20,60”.
O dono do lugar (Sr. César?) rispidamente falou que não, que o preço era R$ 26,00 e que nós estávamos errados. Continuamos argumentando que não, chamamos o garçon, e nada de consenso. O clima foi esquentando.
O que se passa na cabeça de uma pessoa como o Sr. Cesar? Só pode ser uma total desencanto com sua atividade, fato que ele próprio afirmou logo depois ao dizer que não vê a hora de não trabalhar mais ali, e que iria fechar o restaurante para sempre.
Na firmeza da justiça e da coerência, afirmei que não aceitava tal embuste e pedi para ver o cardápio. Para meu desencanto, todos os cardápios estavam rasurados à caneta, marcando o novo preço de 26 pilas, escritos sobre o preço que eu afirmava ser o correto, o de R$20,60. Éramos duas pessoas, dois Clientes que estavam a reclamar de algo que ambos tinham certeza, num irisório valor de 6 reais a mais. Pessoas essas cuja atividade profissional é justamente a de Auditores Líderes de Sistemas de Gestão da Qualidade!!! Nossa atividade é verificar se os documentos das empresas estão corretos, coerentes e o atendimento aos clientes está sendo bem prestado!!!
Isso tudo ainda não foi motivo para o desatencioso prestador de serviços respeitar o Cliente e fechar logo a conta. Ele emitiu a nota no valor errado. Meu amigo Alex esmoreceu, e dizendo que não queria se incomadar mais, pagou o valor aviltado.
Eu não. Afirmei que nunca aceitaria tal embuste, e o conflito se acirrou. Estava pronto para todas as consequencias que poderiam advir daquela situação, mas não afastei da coerência de meus credos.
Resultado: o infeliz homem desdenhando de mim, seu Cliente, humilhou-me dizendo que para ele não faria diferença a quantia de 6 reais e aceitou corrigir a conta e a reemitir a parte da nota que me cabia.
Saí do restaurante indignado com a situação de mau atendimento, porém tranquilo comigo mesmo, que é o que realmente importa. Minha postura agora é abrir os olhos para a maior parte de pessoas possível para evitarem o “Mal Giovanni” de Erechim, e porisso também a inspiração de escrever esse artigo.
A suprema felicidade não está no mundo exterior, mas habita primordialmente dentro de nós. Felicidade é coerência de ações e credos. Eu estou muito bem, obrigado, quanto ao ocorrido naquele lugar. Não acredito porém que alguém possa dormir tranquilo ao saber que deliberadamente alterou os preços para lograr os seus clientes ou ao descobrir que se enganou ao encontrar, dias depois, o tal cardápio com os preços sem a rasura.
Foi “Mal” Giovanni. Nunca mais voltarei lá e espero que nunca mais ninguém seja vítima dessa tentativa de enganação e humilhação como eu fui. Exercitando nossa firmeza no pensamento e nas ações, vamos mudando tudo aquilo que está ainda “Mal”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s