O que é um portal?

O que é um portal?
Exatamente o que aconteceu de quarta feira até agora. Começou na melhor aula de pump, já uma demonstração da energia concentrada que estava em minha volta. Continuou nos sabores do Mantra no almoço de quinta. Assim recebi meus queridos novos Amigos da Permacultura em casa para o DVD do PDC. Sexta teve passeio, corte de cabelo, Land Rover, Parcão, filme na casa do Frasson. Conversas sobre a mudança climática e econômica. Sábado amanheceu na Feirinha, onde todos estavam lá. Almoço com eles. De lá, direto para a rave. Em casa de noite foi a confraternização da massa e vinho, com os amigos da Floresta. Acordamos muito cedo no Domingo. Às 8 já estávamos “girando” no CHAVE. Até as 16:30 hs.
O que é um portal? É uma concentração de Boas Energias.
Obrigado! Obrigado! Obrigado!
PS: Vejam abaixo os artigos dos momentos referidos. Nessa semana estou em viagem, então vou ficar uns dias sem escrever.

Tudo é Momento (só que alguns são eternos…)

Momento
Os pés descalços aterram a energia. A natureza resplandece em cores. Sol invés da previsão de fortes chuvas. Sons de aves, vento nos galhos. Ritmos marcados nas palmas das mãos e no tambor. Gritos dos Orixás.
E dissolvido em meio a tudo isso, um momento único, eternizado na foto que o Calliari fez.



Sou Luz, dou Luz
E faço tudo iluminar
Vejo meu Pai nas alturas
E o poder, aonde está?
A Força está comigo,
Falo perante o Poder
Não fazem o que Ele pede
E todos querem merecer…

(Sou Luz – Pad. Sebastião)

Mais um sábado na Feirinha


Sábado de manhã foi mais uma oportunidade de encontrar com a Egrégora do Bem, Guerrilheiros do Arco-Íris, Povo de Juramidam e correlatos na Feirinha Ecológica do Bomfim.
Cada vez mais gente, cada vez mais Luz.
Depois do bate papo, fomos todos almoçar no Equilibrio Restaurant.

Deus me DEFENDER…




Na sexta fui namorar o veículo que é capaz de ir para a Nova Era…



Oh Lord, won’t you buy me a Land Rover Defender.
All my friends drive small cars…
We need a secure way to getting out.
So Lord won’t you buy us, a LandRover Defender (model 110, please!).

Estréia Mondial do DVD do PDC

Veja todo o álbum DVD do PDC

E ainda nesta quinta, aqui no RubisTheater, foi palco para a Avant Premiere Mondial do DVD da Provolone Digivideo sobre o Curso de Design em Permacultura – PDC.
Os facilitadores do curso e integrantes da Ecovila Arca Verde estiveram presentes.
Cópias do DVD foram despachadas para São José dos Ausentes, Itapuã e para o Porto Semente.
Muito bom compartilhar momentos na presença dessas pessoas tão queridas.

Mantra Indian Restaurant



(clique para contar os gergelins)

E nesta quinta-feira eu finalmente fui almoçar no MANTRA. Simplesmente magnífico…
Comida feita com consagração, sabores inéditos. Atendimento amigo da Bruna e Joyce. Divindades por todos os lados. Entrada. Pratão. Mais um pratão. Sobremesa tri-boa. Chazinho.
Fiquei fã. Voltarei sempre.

Pump that Body


E a melhor aula de Body Pump do ano aconteceu nesta quarta feira.
Precedida por uma excelente corrida na esteira, que me fez lembrar das corridas no SET, graças ao medidor eletrônico de voltas de 400m, a aula de body pump foi uma beleza.
Cargas aumentando, bíceps, tríceps, costas, ombros, agachamento, abdominal, afundos, e relaxamento.

O Dia do Livro

E hoje é o dia do Livro: VIVA !!!!
Para mim todo dia é o dia do Livro! Estou lendo atualmente vários… Por exemplo: Estou lendo o livro do Lúcio Mortimer que conta a estória do Padrinho Sebastião. Estou lendo “Permacultura 1” do Bill Mollinson. Estou lendo “Manual Do Arquiteto Descalço” de Johan van Lengen. Estou relendo e sempre lendo o livro “Terra, uma Consciência”, do Eckart Tolle (e assistindo diariamente aos seus webseminars com a Ofra na Web). Estou lendo também um livro sobre a Lemúria.
Meu amigo me emprestou o livro Linha do Tempo, do Michael Crichton, que eu vou começar a ler hoje, em homenagem ao dia do livro.
E ontem comprei na Amazon.com dois livros sobre Yurts: “Yurts: Living in the Round” e “The Complete Yurt Handbook”.
Viva o Livro! Em qualquer tipo de mídia: papel ou eletrônico.
Vamos todos “aprender com perfeição, para poder ensinar“…

O Dia da Terra

Ontem comemoramos o DIA DA TERRA. O Google estava enfeitadinho, as empresas vestiram seus funcionários de camiseta verde e algumas árvores foram plantadas.
Dá mídia falar em ecologia atualmente. Antes a preocupação era ser “socialmente” correto, mas agora todo mundo quer é ser “ecologicamente” correto.
O que a gente esquece é que todo o dia é dia da Terra! Estamos aqui por ela, e deveríamos estar aqui para ela.
As pessoas jogam uma bituquinha de cigarro no chão, dão a descarga mandando para o esgoto 10 litros de água tratada a cada xixí, usam produtos químicos a todo momento, trocaram as pernas pelos pneus, a comida orgânica pelos transgênicos e pelo fast food.
E agora trocamos o agradecimento diário à Mãe Terra por um anunciozinho no Google.



E sincronicamente o Planeta nos retribui o descaso em seu dia com um Terremoto no Brasil. Imaginem se o epicentro fosse em São Paulo, ao invés de se ter sido no mar…

Construímos o Yurt !!!

Veja a montagem do YURT foto a foto...
Numa obra de união e solidariedade, durante esse sábado, domingo e segunda (aproveitando o feriadão) nós construnímos um Yurt para a ECO-10.
Com a orientação dos facilitadores internacionais Beate (Alemanha) e Pablo (Espanha), que são muito profissionais, amáveis e esforçados, os trabalhos começaram já na manhã do sábado.
Cortamos os bambús na medida certa, depois rachamos eles no meio, no sentido do diâmetro. Lixamos e limpamos todos eles.
Fizemos os mesmo com os bambús para o teto, só que esses não precisam ser rachados no meio.
Fizemos os “sapatinhos” de borracha. Para isso tivemos que furar os bambús, cortas as câmera de borrachas e amarrar com os fios.
E por fim já construímos a coroa central, serrando um círculo de madeira compensada e mais 24 reforços espacadores de madeira. Foi a parte que deu mais trabalho.
Domingo foi o dia de montar a estrutura. Foi muito legal fazer a estrutura de treliça que compõe a parte lateral do Yurt, amarrar cuidadosamente todos os cruzamentos, e depois levar para o local final. Mas antes tivemos que fazer toda a “terraplenagem”…
Acabamos o dia com uma grande festa em homenagem à Lua Cheia, com direito a Pizzas, danças circulares, fogueira e RubisChill Acoustic Live.
E hoje, no último dia do curso, reposicionamos a coroa, realinhamos toda a estrutura do yurt, e fizemos a colocação das lonas.

Visitam o álbum do Yurt da Eco-10

E assim, com amor, disposição, alegria e muita dança, concluímos nossa grande obra! Um aprendizado que foi além das técnicas de construção e que ficou guardado em todos como um grande momento de nossas vidas.
Vejam mais algumas imagens legais de Yurts