O Livro da Serpente

O Livro da SerpenteSinergias como a busca pelo VRIL, a presença procurada pelo Mestre Interior, a Rosa e a Cruz, os Egípcios, Akhnaton, a Transmutação da Alma, o estudo da Arca da Aliança, sobre Moisés, as peias ocorridas na busca da firmeza contra as forças antagônicas, e inúmeros outros “detalhes” que se fariam adjacentes, se não fosses peças centrais do quebra-cabeças que se resolve em meu momento atual.
Sinergias essas presentes no livro que veio até minhas mãos.
“…o que está em baixo é como o que está em cima, e o que está em cima é igual ao que está em baixo, para realizar os milagres de uma única coisa. Ao mesmo tempo, as coisas foram e vieram do Um, desse modo as coisas nasceram dessa coisa única por adoção. O Sol é Pai, a Lua a Mãe, o Vento o embalou em seu ventre, a Terra é sua ama; o Telesma do Mundo está aqui. Seu poder não tem limites na Terra. Separá a Terra do Fogo, o subtil do espesso, docemente com grande indústria. Sobe da Terra para o Céu e desce novamente à Terra e recolhe a força das coisas superiores e inferiores. Desse modo obterá a Glória do Mundo e as trevas se afastarão. É a força de toda a Força, pos vencerá a coisa súbtil e penetrará na coisa espessa. Assim o Mundo foi criado. Esta é a fonte das instruções que lhe dei, pois a Fraternidade da Serpente possui as três partes da filosofia universal e o que lhe disse da Obra Solar é completo.”
(trecho da pág. 92 do Livro “O Livro da Serpente”, de Victor Mendanha)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s