Bem-vindo RubisBook!

RubisBook


Os computadores Macinstosh sempre foram o “Graal Sagrado” da computação pessoal. Eu há tempos sei disso, mas nunca pude antes usufruir da “Maçã”, apesar dela sempre ter me tentado.


Uma época atrás (tipo uns vinte anos) era impossível achar um Mac à venda. Eu comprava jornais de SP na esperança de ver algum Mac Classic anunciado. Eu fazia parte de um tal de “Club Mac” que reunia pessoas interessadas em Mac para trocarem informações e programas. Eu participava de tudo, sem ter um Mac… Lembro-me também de ter lido livros sobre Mac e até comprar várias revistas importadas. Tudo isso naquele tempo distante!
Um dia, tive um rompante e resolvi ir “ver um Mac ao vivo”. Sim, nunca tinha visto um de perto… Fui até o Instituto de Informática da UFRGS, entrei na cara dura, e lá estava ele: um Mac da Unitron, um clone brasileiro do Mac Classic. Mesmo assim, foi muito legal ver “um mac”, mesmo não sendo um “Mac” de verdade.
Com o tempo fui me distanciando dos Macs. Curti os computadores Atari ST (tive vários desses), e depois entrei na linha PC com Windows…
A partir do uso do Iphone, fui recaindo na tentação da Maçã. O celular da Apple realmente me mostrou o quanto o design e o sistema dos Macinstoshes são incríveis.
Comecei a pensar em ter um Mac para programar para a plataforma Iphone. Pensei em fazer um MacStein, que é uma instalação do sistema da Apple OSX num PC comum, mas não tive coragem, pois toda a confiabilidade, compatibilidade e design da Apple seria desperdiçada num MacStein..
Meu notebook Sony Vaio, o querido companheiro das raves, o meu velho Vaio_Racha já estava nas últimas. Eu precisava de um notebook novo para o trabalho, para a criação e para o lazer.
Então resolvi entrar de vez para o time da maçã: Estou de MacBook! Branco. Lindo, combinando com o Iphone.
Estou me adaptando na máquina, várias dúvidas sendo sanadas, mas estou “in love”. Já assisti filmes em divx, baixeis vários programas, atualizei várias partes do sistema, mexi no GarageBand, etc, etc, etc… Até esse artigo estou escrevendo “off-line” num software chamado MarsEdit. Já comecei a estudar a programação Cocoa para o Iphone e a fazer contatos nessa área. Em breve, vou instalar o Windows XP no MacBook através do BootCamp e assim vou poder ter dois computadores em um só notebook.
Os tempos agora são de MacBook: Bem-vindo, RubisBook!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s