Nova fase do MondoVR

A nova fase do MondoVR é sobre programação de Iphones e tecnologia Apple.
Por aqui já passaram futilidades em geral, treinos para maratona, dissertações sobre relacionamentos, psytrance, papos esotéricos, artigos naturebas, e agora… programação de Iphones…
Não que os outros “Mondos” deixarão de existir… Mas a fase agora é essa: XCode, iOS e etc e tal.
Talvez os leitores antigos virem mais tecnológicos, e talvez os geeks expandam mais sua consciência.
E para entrar mais profundamente no assunto…


A linguagem Objective-C é uma dureza para se aprender.
E quem diz isso tem mais de vinte anos de experiência como desenvolvedor.
Comecei com os cartões perfurados para os Burroghs (como se escreve isso?) e os mainframes IBMs (em 85). Usei disquetes de 8 polegadas que até pareciam long-plays… Programei para Turtle, aquela linguagem infantil dos Itautecs. Tive (e tenho) Ataris ST, com interface gráfica e mouse. Programei o código midi nos sinths da Roland e até fiz programas no Atari para controlar as telas dos synthetizadores. Tive artigo meu sobre isso publicado na prestigiosa Revista KeyBoard (em 90). Fui convidado (e aceitei) para estudar Redes Neurais no Instituto de Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Fazia parte do grupo de Computer Music de lá. Usávamos estações Sylicon Grafics. Usávamos Macs também. Isso em 95. Desenvolvi aplicativos naquela época em Max. Programava em C também. Fui para o Windows e aprendi Visual Basic. Fiz um shareware que foi sucesso mundial (procurem HexaBit Junior no Google…). Desenvolvi sistemas corporativos em Active Server Pages. Ufa!!!
Fiz esse meu mini curriculum de programador para mostrar que tenho uma estória no assunto. E agora estou aqui, quebrando a cabeça no XCode e no Objective-C da Apple. Nada como voltar à adolescência… Estou adorando reaprender a roda, agora programando para um dispositivo mágico e revolucionário como é o Iphone.
Meus novos amigos geeks me dizem que “de linguagens compiladas que não sejam scripting, o Objective-C é uma das mais refinadas e agradáveis”. Discordo do “agradáveis”. O que escrevia com uma linha de linguagem interpretadas agora levo mais de 10 linhas, ainda meio sem entender o que estou fazendo.
Mas o importante é que… estou fazendo! E farei!!! Na verdade, já não vejo a hora de ter um Mac de 27″ e começar a desenvolver para o Ipad. O Iphone é apenas um passo nessa infinita evolução para abrir-se a programação dos registros akáshicos de nosso Ser.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s