Feliz Mondo Novo

Eu sou filho do Vento...
[clica para ver os cataventos!!!]
Estamos sempre melhorando. O “ideal” é um alvo que parece sempre estar mais à frente. Então sempre existe o espaço para a melhoria. Nada é perfeito. Tudo tem seus prós e contras.
O modelo atual da civilização em que vivemos tem muitos “prós”: tecnologia, espiritualidade, novos conhecimentos… Mas temos muitíssimos “contras”: desamor, exclusão, agressão ao meio ambiente… tanta coisa a consertar!

Continuar lendo

Um Sonho de Natal…

Chandra Kandi diz: Tudo isso prá mim, Rubis? Sonha, Chandrinha, sonha...
[clique para abrir os presentes]
FELIZ NATAL !!!

Confraria Filosófica

Altos Papos e Altos Rangos!!!
E a última atividade grupal de 2006 foi em altíssimo nível: um almoço na Sala Rosa do Palácio do Comércio, a portas fechadas com a Confraria Filosófica.
A Confraria Filosófica é mais um de meus grupos e não muito diferente dos demais. Pessoas com um entendimento mais universalista das coisas e em busca do Conhecimento. Somos um grupo de “sofia” (conhecimento) e não de “logia” (ciência). Filosofia (do grego Φιλοσοφία: philia – Amor, Amizade + sophia – Sabedoria) é uma disciplina, ou uma área de estudos, que envolve a investigação, análise, discussão, formação e reflexão de idéias (ou visões de mundo) em uma situação geral, abstrata ou fundamental. A Filosofia originou-se da inquietação gerada pela nossa curiosidade em compreender e questionar os valores e as interpretações comumente aceitas sobre a nossa própria realidade.
A Confraria se reune semamalmente para um almoço. Só existem dois assuntos vedados: trabalho e futebol! Viva!!!
O papo dessa semana foi mais histórico. Repassamos fatos históricos desde o afundamento da Atlântida, passamos pelo Egito Antigo (temos um escritor de livros históricos no grupo, que escreveu até sobre a vida de Akenaton!), pela Guerra do Paraguai e abordamos a Primeira Guerra Mondial…
Não existem fatos: existe a opinão dos vencedores sobre os fatos. A tua Verdade é aquela que você gostaria que tivesse existido em você.

O Click da Salvação


[Respira, concentra e clica…]

Cenas dos Próximos Capítulos…

O que lhes espera, no MondoVR em 2007
Permacultura
Organic Eletric Lounge
Ecovilas
Iniciações Ritualísticas
Segurança das Informações

e muito mais… quem viver, saberá!!!!

O Opor do Sol

O Sol é lindo, mesmo quando não aparece
E neste fim de semana não tivemos o pôr do Sol. Tivemos o “opor” do Sol, já que ele recusou-se a aparecer no horário que ele se põe.
Mesmo assim a Egrégora do Bem, mais uma vez, compareceu telepaticamente.
Fim de semana que tivemos Bailado, pizzas no E.T., psy no Pierre e encontro com a galera no Marinha. Um resuminho de 2006. Vou ter saudades desse ano…
clica sem medoparabens! clica nessa também

A Ditadura do Grupo

O planeta agora é vermelho?!?!!? Então vão buzinar em Marte!!!
Internacional, campeão do Mundo!!! Dando prosseguimento a um artigo anterior, estamos vendo hoje a “glória” máxima do time gaúcho, alcançando agora seu rival na sua mais alta conquista de sua estória. Primeiro foi Campeão Brasileiro, depois ganhou a Libertadores, foi para o Japão e logo em cima do multimilionário Barcelona, time do RRRRonaldinho (Gremista) Gaúcho e de tantos outros astros, levou o Campeonato Mundial !!! Parabéns a massa colorada. Mas de novo fiquemos por aqui nos elogios.
Porto Alegre hoje está como uma terra de nínguém. A alegria da conquista colorada infelizmente extravasa os limites do bom senso propulsionado pelo fenômeno que é a “Ditadura do Grupo”.
A Ditadura do Grupo é o seguinte: você, enquanto sozinho, dificilmente passaria pela elegante Dinarte Ribeiro, com metade do corpo fora do carro, gritando palavrões. Mas quando se está numa carreata, com o carro cheio, parece normal ficar gritando palavras como “Ronaldinho p. no c., chupa r. e dá o c…”. Parece bonito… Não se comemora a bonita vitória, mas sim se grita pelo mal do adversário. Na Alemanha nazista, os soldados da SS antes da guerra, eram simples cidadãos, mas pela “Ditadura do Grupo” tornaram-se em atrozes assassinos. Parecia normal…
A verdade também não está com as pessoas que torciam pelo Ronaldinho. Os Gremistas, atingidos em seu orgulho de não ser mais os úncicos “Campeões do Mundo”, estão contribuindo para aumentar essa energia densa que pesa sobre a cidade hoje. A Verdade é que o vício da separação que a droga do futebol causa, cada vez aumenta mais o ego desenfreado dos que se julgam superiores aos outros.
E voltando a falar no jogo, acho que os nomes dos times estavam errados. O Barcelona, que tem um jogador de cada lugar do mundo é que devia se chamar de Internacional. E o Inter, é um time de gabirús (como eles mesmos proclamam): só tem nordestino nesse time gaúcho. Fico pensando de onde vem os jogadores que atuam nos times do Nordeste…
Então é isso. A partir de agora OFICIALMENTE não torço mais para nínguém, muito antes pelo contrário. Não sou mais Gremista, nem Santista. As minhas camisas tamanho G estão disponíveis para doação.
Lá vem picolé de Jaca, com o Adriano Gabirú na embalagem…